Perguntas Frequentes

_________________________________________________

Seu parceiro em Metrologia e Qualidade
_________________________________________________

1 - O que é Acreditação?
R:  A Acreditação é o reconhecimento formal, por um organismo de acreditação (INMETRO), de que o laboratório de calibração atende a requisitos, previamente definidos e demonstra ser competente para realizar suas atividades com confiança.

2 - O que é a ABNT NBR ISO/IEC 17025:2005? Onde se aplica esta norma?

R: É uma norma que estabelece requisitos gerenciais e técnicos para a implementação de sistema de gestão da qualidade em laboratórios de ensaio e calibração. Esta norma não cobre requisitos de segurança e regulamentos sobre a operação de laboratórios. A mesma está dividida em duas partes: requisitos da direção (com os aspectos gerenciais) e requisitos técnicos. 

 

3 - Qual é o critério de aceitação que devo utilizar para os meus equipamentos?

R: O primeiro critério de aceitação que se recomenda é o do próprio fabricante, ou seja, o descrito no manual do equipamento. Dependendo essencialmente do uso destinado ao instrumento e para garantir a qualidade do serviço/processo, pode-se definir critérios de aceitação  (valores máximos ou mínimos aceitáveis, face aos fins e usos a que se destinam os equipamentos) que permitam analisar os resultados das calibrações realizadas  para tomada de decisões quanto a sua utilização.

Recomenda-se que na ausência de qualquer especificação (manual, regulamento, etc) seja utilizado o seguinte critério de Aceitação:

 

      "A soma do erro sistemático com a incerteza associada, deve ser inferior ou igual ao Valor Máximo Admissível (VMA) para o equipamento", isto é:

 

                                                          ERRO  +  INCERTEZA  <= VMA.

 

Erro = Valor Médio das leituras menos o Valor Verdadeiro do Mensurando.

 

4 - Qual o melhor prazo de validade que posso atribuir a calibração do meu equipamento?

R: Seguir a recomendação fornecida no manual do fabricante ou seguir algumas recomendações, como a criticidade do resultado fornecido pelo equipamento de medição em relação à importância econômica ou o impacto técnico da variável sobre o produto. 

As disposições em normas, regulamentos técnicos, portarias, além de procedimento de fornecedores ou clientes. O uso inadequado ou em condições que possibilitem a deterioração de suas características e componentes.
Para melhores informações consulte a norma ISO 10012/2003

 

5 - Como fazer para que os meus equipamentos de medição atendam o requisito a norma ISO 9001?

R: O seu equipamento de medição deve estar integrado ao Sistema da Qualidade da sua empresa e submetido a calibração periódica em laboratório acreditado no INMETRO. Assim, atenderá plenamente os requisitos da norma ISO 9001 no que se refere ao processo de calibração e de rastreabilidade.

 

6 - Qual é a diferença entre a calibração com o selo RBC sem o selo RBC (Rastreada)?

R: A Calibração RBC é acreditada e reconhecida pelo INMETRO e alguns órgãos internacionais. O selo constante no Certificado de Calibração, evidencia que o Laboratório pertence à Rede Brasileira de Calibração. Assim, não é necessário evidenciar a rastreabilidade da medição e nem a eficiência do método de calibração, pois o INMETRO  já avalia tais requisitos periodicamente, conforme a Norma NBR ISO/IEC 17025.   

 

A Calibração Rastreada não tem o reconhecimento do INMETRO e portanto, não contem o selo de Acreditação. São calibrações que mantêm a cadeia de rastreabilidade de medição fechada até padrões calibrados por Laboratórios pertencentes à RBC e têm seus métodos desenvolvidos internamente, sem a acreditação do INMETRO. É necessário evidenciar a rastreabilidade da medição e o método de calibração. Para esse tipo de calibração, o Laboratório disponibiliza tais evidencias aos seus clientes. Para a Norma ISO 9001 a calibração rastreada atende o requisito metrológico exigido.

Comments